Beneficiários com NIS final 8 recebem hoje (27) o Auxílio Brasil; Confira!




A Federação Da Caixa Econômica pagará hoje (27) aos beneficiários do Número de Inscrição Social (NIS) a parcela de julho do Auxílio Brasil no último dia 8. A recompensa mínima é de R$400. A data segue o modelo Bolsa Família, que pagou aos beneficiários nos últimos 10 dias úteis do mês.


Os beneficiários podem consultar informações sobre a data do pagamento, o valor dos benefícios e a composição das parcelas em dois aplicativos: o Auxílio Brasil, desenvolvido para programas sociais, e o aplicativo Caixa Tem, que é utilizado para acompanhar as contas de poupança digital do banco.


Atualmente, 17,5 milhões de domicílios são atendidos pelo programa. No início deste ano, 3 milhões de famílias participaram da ajuda ao Brasil. Neste mês, a parcela mínima equivale a R$400. De Agosto a Dezembro, o programa pagará um benefício mínimo de R$600 de acordo com as emendas constitucionais promulgadas pela Assembleia Nacional no dia 14 e último dia.


Benefícios


A Brazil Aid possui três benefícios básicos e seis benefícios adicionais, que podem ser adicionados se os beneficiários conseguirem um emprego ou se tiverem um filho que se destaque em competições esportivas ou competições científicas e acadêmicas.


Famílias com renda per capita de até R$100 são consideradas de extrema pobreza, e famílias com renda per capita de até R$200 são consideradas pobres e podem se beneficiar disso.


A Agência Brasil criou um guia para perguntas e respostas sobre o Brazil Aid. Entre as questões que os beneficiários podem tirar estão os critérios de integração de programas sociais, nove tipos diferentes de benefícios, e o que aconteceu com o Bolsa Família e auxílio emergencial que estavam em vigor até Outubro do ano passado.


Neste mês, não haverá pagamentos para auxílio-gás que beneficiará 5,5 milhões de famílias até o final de 2026. Esse benefício, que corresponde a 50% do preço médio de um botijão de 13 quilômetros, será retomado em Agosto pelo valor de 100% do preço médio. Esse aumento entrará em vigor até Dezembro, de acordo com as emendas constitucionais promulgadas pelo Congresso.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem