Cartão Auxílio Brasil com chip para compras no débito começa a ser distribuído; Veja como acompanhar o envio e recebimento do novo modelo.

Imagem: Reprodução/Google


Após a superesão do Bolsa Família pela Ajuda Brasil, o governo federal começou a distribuir novos cartões de benefícios. O novo modelo vem com um chip que permite que ele seja usado com funções de débito. O objetivo é fortalecer a marca do programa criado durante o mandato do presidente Jair Bolsonaro (PL).


Segundo o Ministério da Cidadania, 3,2 milhões de carteiras de ajuda brasileiras foram emitidas em junho e já foram enviadas aos Correios para entrega aos beneficiários. As atualizações das ferramentas são graduais e escalonadas. O cronograma para as ordens de alocação ainda não foi anunciado.


Novo Cartão do Ajuda brasil


Antes de mais nada, vamos priorizar a aceitação daqueles que aderiram ao programa a partir de dezembro de 2021. Isso porque não havia cartão de benefício anterior, portanto, o pagamento de R$400 por mês era feito através da poupança social digital da Caixa.


Outra nota dada ao governo na renovação deste cartão são os aspectos de segurança e praticidade. Os cidadãos podem sacar recursos tanto no terminal do caixa quanto no Banco24Horas. A emenda impediria que as famílias tenham que viajar longas distâncias para ir a agências estaduais.


Validade de cartões antigos


Esclarecendo suspeitas sobre os cartões antigos, o ministério informou que eles continuam desempenhando suas respectivas funções, ou seja, são válidas.


Se você quiser acompanhar a transmissão e recepção do seu Cartão Brasil, ligue para o call center da Caixa. Os telefones são 0800-104-0104 e 4004-0104. Você também pode ir diretamente à filial da caixa para verificar a situação.


Assim que a troca de cartões foi anunciada, o custo do dinheiro público foi projetado para cerca de 324 milhões de reais. Por causa de seu valor, a medida foi questionada por delegados federais ao Tribunal de Contas da União (TCU). Segundo eles, essa ação pode ser caracterizada como uso indevido de recursos públicos, que é uma troca de motivos eleitorais apenas por modelos.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem