Existe renda mínima para o financiamento da casa própria pela Caixa Econômica? Confira

Imagem: Reprodução/Google


O sonho da casa própria só é possível através de financiamento, e pelo menos isso é verdade para a maioria dos brasileiros. Portanto, para acessar o serviço, você precisa atender alguns dos requisitos básicos do banco. Confira tudo o que você precisa agora para obter um bom financiamento na Caixa Econômica Federal.


A regra básica é ter pelo menos 18 anos ou ser liberado aos 16 anos. Outro requisito é que a pessoa seja brasileira ou tenha visto de residência permanente no Brasil. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, uma renda mínima não precisa ter acesso ao financiamento.


Financiamento na Caixa


As condições gerais de financiamento pela instituição estabelecem todas as regras básicas para as pessoas que solicitam pedidos de resgate para comprar uma casa. A análise cadastral avalia vários pontos específicos.


Nele, precisamos da capacidade dos cidadãos de pagar. Isso significa que os benefícios não podem exceder 30% da renda familiar mensal total. Esta é uma maneira de garantir que as famílias possam comprar sua própria casa e pagar seus compromissos sem comprometer demais seu orçamento.


Outro detalhe é que a pessoa não deve ser negativa. Isso significa que você não pode solicitar um empréstimo com um nome que aparece na lista do devedor, como o Serasa. Um dos métodos que muitos brasileiros descobriram é usar parte dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).


Nesses casos, uma pessoa que solicitar a compra de uma casa pela Caixa não pode ter outro ativo nas condições definidas no sistema financeiro habitacional (SFH). O imóvel financiado deve ser usado para a própria habitação.


Além disso, o FGTS pode ser usado como valor de entrada para reduzir parcelas e dar aos bancos mais segurança quanto à possibilidade de pagamento.


Portanto, embora não haja renda mínima para captação de recursos, a CAIXA analisa o valor do imóvel e os salários de todas as pessoas que compõem a família para que a parcela do financiamento esteja dentro do limite de 30% da renda familiar.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem