DIREITOS TRABALHISTAS: Veja quais são os abonos VÁLIDOS em 2023 e seus valores.

Imagem: Reprodução/Google




Aqueles que trabalham com carteira assinada são regidos pela Unificação das Leis do Trabalho (CLT). Dessa forma, garante uma série de vantagens financeiras e tem direitos trabalhistas que devem ser respeitados por lei. As pessoas que começaram a trabalhar neste sistema agora, ou que estão curiosas sobre os subsídios liberados para 2023, devem estar cientes das seguintes informações.


Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) divulgados em 31 de agosto, mostraram que, entre maio e julho deste ano, 4,3 milhões de trabalhadores foram cadastrados com carteira de trabalho assinada. São pessoas com direitos trabalhistas garantidos por lei. Além da proteção com a liberação de subsídios financeiros.


A partir de 2023, os benefícios já lançados este ano permanecerão, mas desta vez com valores atualizados. Como de costume, os subsídios são reajustados de acordo com o valor do novo salário mínimo, bem como com base na inflação. Assim, a previsão é que a partir de janeiro a mínima federal seja de R$ 1.302, podendo ainda estar sujeita a alterações.


Direitos dos trabalhadores garantidos por lei


Há uma série de direitos trabalhistas garantidos para um trabalhador que trabalha sob o regime CLT. A proteção deve ser durante o período de serviço, como nos casos em que um cidadão é demitido ou demitido. Os principais e mais populares são:


Durante o tempo de serviço:


  • Pagamento de um salário mensal compatível com o piso da classe;
  • Horas extras, horas extras e/ou horas extras e/ou horas extras;
  • Descanso semanal pago;
  • Depósito mensal de 8% do salário ao FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço);
  • Contribuição para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS);
  • Licença remunerada;
  • 13º salário;
  • Licença maternidade;
  • Licença Paternidade.


Em caso de demissão sem motivo:


  • Multa de 40% sobre saldo do FGTS;
  • Rescisão;
  • Aviso;
  • Seguro-desemprego;
  • Salário, férias e 13º proporcionais.
  • Abonos salariais pagos em 2023


De acordo com o registro na carteira, além dos direitos trabalhistas, o cidadão também tem acesso a alguns pagamentos na forma de abono salarial. São somas liberadas pelo governo federal, mas são direito do cidadão porque às vezes há uma reserva financeira a partir da contribuição do próprio trabalhador, que recolhe os recursos disponíveis.


PIS/PASEP 2023


O abono PIS/PASEP, pago aos trabalhadores que recebem salários de até 2 salários mínimos por mês e que trabalharam por pelo menos 30 dias no ano-base, segue um calendário "atrasado". Em 2022, o pagamento foi emitido para quem trabalhou em 2019 e 2020.


Portanto, a previsão é que em 2023 o pagamento esteja vinculado ao tempo de trabalho em 2021 e 2022, mas não há confirmação oficial. O valor é o salário máximo de 1 ano de pagamento, e pelo menos 1/12 do salário.


A Caixa Econômica libera quem trabalhou na rede privada, e o Banco do Brasil será responsável pelo pagamento dos salários dos servidores públicos. O piquenique pode ser presencial ou em aplicativos bancários.


Seguro de desemprego


São pagos três a cinco prêmios, dependendo de quantas vezes já foram solicitados, e o seguro-desemprego é emitido apenas em caso de demissão sem motivo. A solicitação pode ser submetida no aplicativo do cartão de visita digital. O valor mínimo do pagamento é igual ao salário mínimo.


Enquanto isso, o máximo a ser recebido hoje é de 2.106 reais, e segundo estimativas dada a inflação atual, esse valor pode chegar a 2.262 reais em 2023. No entanto, será necessário esperar até janeiro do próximo ano para uma resposta concreta sobre o assunto.


Benefícios do INSS


O pagamento de benefícios previdenciários em nome do Instituto Nacional de Segurança não será inferior ao salário mínimo. O valor máximo a ser pago também foi determinado, em 2023 pode chegar a 7.612,38 reais. São pagamentos que são liberados quando um cidadão precisa ficar longe de seu trabalho. Por exemplo, em casos de:


  • Aposentadoria: invalidez, idade, tempo de contribuição, especial;
  • Auxílios à doença;
  • Auxílio-acidente
  • salário maternidade;
  • Salário familiar.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem