Quem trabalha como MEI pode receber as parcelas de R$ 600? Veja aqui!

Imagem: Reprodução/Google




Atualmente, a ajuda brasileira é o principal benefício da transformação da renda dos brasileiros que vivem em situação de vulnerabilidade. O programa aumentou recentemente, com a aprovação da chamada PEC do Auxílio, de 400 reais para 600 reais até Dezembro.


Com o aumento do número de beneficiários, surgiu a questão se quem trabalha como pequeno empreendedor individual (MEI) também pode receber o benefício. Em suma, os pequenos empresários que tiveram ganhos de até 81.000 reais por ano se enquadram nessa categoria.


Ajuda Brasil e MEI: O grupo pode receber R$600 de ajuda?


Com as mudanças propostas de interesse, e as muitas dúvidas que surgiram sobre quem é o pequeno empreendedor, o Ministério da Cidadania decidiu se manifestar e dizer se quem é MEI pode obter ajuda brasileira.


Em geral, trabalhar como MEI não faz com que um cidadão seja muito excluído do direito ao auxílio brasileiro. Esta declaração foi feita por Ronaldo Pinto, Presidente do Volume. Ou seja, mesmo aqueles que formalizam a categoria não estão excluídos do programa.


No entanto, o cidadão deve continuar a cumprir as regras e requisitos relacionados ao auxílio brasileiro, ou seja:


  • Faça parte das famílias pobres, onde a renda per capita do domicílio varia entre 105,01 e 210 dólares brasileiros;
  • Fazer parte das famílias que sofrem de extrema pobreza, com renda domiciliar per capita de até o BIS 105; ou
  • Fazer parte das famílias como base para a libertação.

Outro ponto importante é que os pagamentos de documentos de cobrança simplificados (DAS) devem estar na conta. Ao atender a esses requisitos, o MEI pode garantir sua entrada no programa governamental. Lembre-se que pode haver uma lista de espera para o bilhete.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem