Confira o desempenho de Lula e Bolsonaro nos estados.

Imagem: Reprodução/Google




O primeiro turno das eleições de 2022 ocorreu em 2 de Outubro em todo o país. Nas eleições, foram eleitos governadores, senadores, deputados federais e deputados estaduais. Quanto ao cargo de Presidente da República, o segundo turno será realizado no dia 30 de Outubro. A disputa entre Lula (PT) e Bolsonaro (PL).


No início do mês, o resultado foi de 48,43% dos votos válidos dos trabalhistas, contra 43,20% do atual presidente do país, que busca a reeleição. 


Agora, veja a corrida entre os candidatos presidenciais nos estados e no Distrito Federal. 


Atuação de Lula no primeiro turno


O ex-presidente Lula venceu a corrida, mas não conseguiu votos suficientes para realmente ser eleito no primeiro turno. Nos estados, os trabalhistas ganharam 14 deles. Verificar.


  • Amazonas;
  • Pará;
  • Amapá;
  • Maranhão;
  • Tocantins;
  • Ceará;
  • Piauí;
  • Bahia;
  • Rio Grande do Norte;
  • Paraíba;
  • Pernambuco;
  • Alagoas;
  • Sergipe;
  • Minas Gerais.  


Lula também ganhou em colégios eleitorais no exterior.


No zoneamento, Lula ganhou todas as unidades federativas do nordeste.


O desempenho de Bolsonaro no primeiro turno 


Bolsonaro conseguiu derrotar Lula em 12 estados e no Distrito Federal. Veja!


  • Acre;
  • Roraima;
  • Rondônia;
  • Mato Grosso;
  • Goiás;
  • Mato Grosso do Sul;
  • São Paulo;
  • Espírito Santo;
  • Rio de Janeiro;
  • Paraná;
  • Santa Catarina;
  • Rio Grande do Sul.


Em termos das regiões do país, Bolsonaro teve seu melhor desempenho nas regiões Sul e Centro-Oeste. O norte foi a região mais dividida entre os candidatos.


Primeiro turno das eleições entre candidatos presidenciais


Lula e Bolsonaro foram os candidatos com mais votos da população brasileira. Os outros candidatos presidenciais foram os seguintes:


Lula: 48,43%.

Bolsonaro: 43,20%.

Simon Tebet: 4,16%.

Ciro Gomes: 3,04%.


Os outros candidatos, Soraya Thronic, Felipe Davila, Padre Kilmon, Leo Péricles, Sofia Manzano, Vera e Emile, não chegaram a 1% dos votos.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem