IPVA: Pagar somente metade do imposto é possível? Confira detalhes

Imagem: Reprodução/Google





O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é um dos principais impostos existentes no Brasil e é um dos impostos mais pesados no bolso dos cidadãos. Portanto, muitas pessoas estão procurando maneiras de obter descontos ou isenções desta taxa anual.


Para pagar menos impostos, existem algumas maneiras de torná-lo completamente zero. Considerando que o IPVA é de responsabilidade de cada estado, os requisitos para o cumprimento do benefício dependem de onde o motorista mora.


Descontos de IPVA


Em São Paulo, o Governo está oferecendo descontos de impostos de até 50% para proprietários de veículos híbridos ou elétricos. A medida visa estimular a compra de veículos que não utilizem combustíveis fósseis e sejam menos poluentes ao meio ambiente.


No início deste ano, o governo paulista também permitiu descontos de até 9% no IPVA para pagamentos totais à vista em janeiro. Esse lucro foi três vezes maior que o de 2021, levando em conta o aumento dos preços dos veículos registrado durante a pandemia.


Isenção do IPVA


Quase todos os estados do país têm uma regra que isenta os motoristas de pagar impostos após um certo período de fabricação do veículo. Em alguns lugares, você pode parar de prestar homenagem quando o carro faz 10 anos, mas em outros lugares você precisa ter pelo menos 30 anos.


É assim que funciona em uma base Federetiva:


  • Isenção com 10 anos de fabricação: Roraima, Rio Grande do Norte e Amapá.
  • Isenção com 15 anos de fabricação: Rio de Janeiro, Piauí, Paraíba, Pará, Maranhão, Espírito Santo, Distrito Federal, Ceará, Bahia, Amazonas, Rondônia, Goiás e Sergipe.
  • Isenção com 18 anos de fabricação: Mato Grosso.
  • Isenção com 20 anos de fabricação: Rio Grande do Sul, Acre, Mato Grosso do Sul, Paraná e São Paulo.
  • Isenção com 23 anos de fabricação: Alagoas.
  • Isenção com 30 anos de fabricação: Santa Catarina.
  • Desconto progressivo: Minas Gerais e Pernambuco.


Vale ressaltar também que alguns desses locais possuem condições exclusivas para proprietários de determinadas categorias, como pessoas com deficiência (PcD) ou organizações sem fins lucrativos.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem