Saiba como as donas de casa podem garantir a aposentadoria do INSS.

Imagem: Reprodução/Google




Seu trabalho é essencial, mas muitas vezes completamente desvalorizado. Estamos falando de donas de casa que largam seus empregos formais para se dedicarem aos cuidados de suas próprias casas.


A necessidade de criar filhos e a falta de oportunidades os afastam do mercado. Então, as donas de casa têm o direito de se aposentar?


Esse é o desejo de todos os brasileiros que trabalharam por muitos anos. Os benefícios são pagos por meio do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).


Não há como muitas pessoas terem dúvidas. Eles não contribuem porque não têm carteira assinada, por isso precisam garantir lucros por meio de diferentes modalidades.


Aposentadoria de Donas de Casa


Donas de casa são obrigadas a fazer transferências para a Previdência Social como seguradas de opções, ou seja, ela não é obrigada a contribuir com o INSS, mas é exigida porque não tem vínculo empregatício para fazer descontos nas contribuições. Especialmente se você quiser se aposentar em alguns anos.


Essa é a única opção para quem não tem atividade remunerada, mas quer se cadastrar no Regime Geral de Previdência Social para garantir sua futura aposentadoria.


Hoje, há três maneiras de contribuição para que as pessoas do lar possam se aposentar. Eles são os seguintes:


  • Plano convencional: para quem deseja um valor acima do salário mínimo;
  • Plano simplificado: para receber um salário mínimo de aposentadoria, com contribuição de 11% ao mês;
  • Facultativo de baixa renda: precisa ter inscrição no Cadastro Único (CadÚnico).


Em ambos os casos, as doações serão pagas por meio da Guia de Seguridade Social (GPS). Para ter acesso aos benefícios, é preciso ter pelo menos 62 anos de idade e ter contribuído por pelo menos 15 anos.


Outro detalhe é que, para acessar os recursos do INSS, é preciso fazer contribuições regularmente, ou seja, sem interrupção por um período superior a 6 meses. Caso contrário, o vínculo com o INSS poderá ser revogado.


Para se tornar um doador voluntário, as donas de casa devem entrar em contato com o instituto. Isso pode ser feito pelo telefone 135 usando o site da Receita Federal ou o aplicativo Meu INSS.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem