SAIU! Auxílio Emergencial retroativo é liberado em outubro; Veja como consultar

Imagem: Reprodução/Google




No início da pandemia Covid-19, o Governo Federal forneceu ferramentas passo a passo para responder a consultas e perguntas dos beneficiários do auxílio emergencial.


Na verdade, para acessar as informações, mantenha o CPF, nome completo, data de nascimento e o nome completo da mãe do beneficiário à mão. Com base nessas informações, verifica-se a situação dos beneficiários.


Auxílio emergencial em 2022


A parte retrospectiva do socorro emergencial ainda é uma novidade para muitos brasileiros. O programa social encerrou em outubro do ano passado, mas os beneficiários podem receber até R$ 3 mil do governo federal em 2022


Os pagamentos começaram em janeiro deste ano, período em que cerca de 823,4 mil pais solteiros estavam sendo considerados. No total, mais de 1,2 milhão de pessoas serão atendidas, segundo o Ministério dos Direitos Civis. Portanto, cerca de 450.000 cidadãos ainda precisam receber.


Lembrando o remanejamento retrospectivo da referência ao lucro em 2020, pago aos familiares que o contemplaram entre abril e agosto do mesmo ano. O valor que cada cidadão recebe varia de R$600 a R$3.000. Para acessar a parcela, você precisa do seguinte:


  • Ter recebido ao menos uma das cinco parcelas distribuídas entre abril e agosto de 2020;
  • Ser homem chefe de família monoparental;
  • Comprovar não possuir cônjuge ou companheira;
  • Cuidar dos filhos ou filho menor de 18 anos sozinho;
  • Estar cadastrado como “Responsável Familiar”;
  • Ter recebido cota simples do Auxílio Emergencial;
  • Estar inscrito no CadÚnico até o dia 2 de abril de 2020;
  • Ter efetuado o cadastro do Auxílio Emergencial através das plataformas digitais até o dia 2 de julho de 2020.

Como consultar o Auxílio Emergencial em outubro?


Os pais solteiros que receberem pelo menos uma das cinco primeiras parcelas concedidas em 2020 podem ser consultados sobre se têm direito a pagamentos retroativos da seguinte forma:


  • Faça login no Gov.br para acessar o site da Dataprev.
  • Insira seu cadastro pessoal (CPF) no campo.
  • Com seu nome completo. E
  • Uma vez que o nome de sua mãe esteja completo (ou selecione a opção "Mãe Desconhecida").
  • Digite sua data de nascimento no campo solicitado.
  • Escolha reCAPTCHA para provar que você é humano.
  • Clique em Enviar.

Auxílio emergencial


Em resumo, é importante ressaltar que o auxílio emergencial foi pago a cerca de 70 milhões de cidadãos. Pelo menos é uma previsão federal. Segundo o Palácio Planarto, esse é o número de pessoas que já utilizaram o benefício de alguma forma.


No entanto, é importante ressaltar que este governo leva em conta, não apenas aqueles que receberam recursos para o projeto até agora. Eles também colocaram essas famílias brasileiras nessa equação. Isso porque eles acreditam que esses cidadãos que vivem com os beneficiários também usaram esse valor.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem