Auxílio Gás 2023: Confira se o Presidente Lula conseguiu aumentar o benefício para o mês de Fevereiro

Imagem: Reprodução/Google



O Governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) conseguiu aumentar o valor da parte da ajuda ao gás de fevereiro. O programa será lançado em 2021 e concederá aos brasileiros beneficiados um lucro de 50% da média nacional do preço de um botijão de gás de 13 quilos. Olha quem se qualifica.


A PEC de Recompensas de julho de 2022 definiu o valor de 100% dos benefícios com base no preço total da lata. No entanto, essa medida é válida de agosto a dezembro de 2022. O valor médio do repasse é de R$ 110 a cada dois meses.


Auxílio Gás do Governo Lula


Junto com os prazos, muitos brasileiros, dependentes dos lucros, têm dúvidas sobre a manutenção de uma transferência completa. Aqueles que pedem ajuda emprestada podem celebrar as boas novas.


As medidas provisórias emitidas pelo governo Lula nos primeiros dias da presidência do presidente são que confirmaram o auxílio ao gás para 2023, mesmo com mudanças na ajuda brasileira ao programa Bolsa Família.


Além disso, foi decidido que haverá uma manutenção de 100% de transferência dos preços do gás de cozinha de 100% da média nacional. Para receber os benefícios, todos os dados devem estar atualizados em um único cadastro federal (CadÚnico).


Quem tem renda familiar de até meio salário mínimo (R$ 606) ou tem renda familiar igual ou inferior a três salários mínimos tem direito a benefícios.


As prioridades ao receber assistência de gás são as famílias Cadunico que foram renovadas nos últimos dois anos, bem como as famílias com baixa renda ou um grande número de membros da casa.


O objetivo do governo Lula é cumprir a longa lista de espera, onde muitas famílias ainda aguardam a liberação do auxílio gás. Apesar das projeções iniciais de atender mais de 24 milhões de famílias brasileiras, cerca de 6 milhões de brasileiros já estão se beneficiando.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem