Leilão: Santander faz campanha de imóveis com lances a partir de R$ 33 mil; Veja como participar

Imagem: Reprodução/Google



Santander leiloa 55 imóveis em todo o Brasil. O pregão será realizado no dia 17 de janeiro em parceria com a Mega Leilões E. São imóveis comerciais e residenciais, mais acessíveis e mais fáceis de pagar.
Veja como participar:

Inicialmente, são 55 imóveis, mas pode aumentar até o dia do leilão. A realização é 100% online e pessoas de todo o Brasil podem participar e ver todos os detalhes do imóvel. Se você estiver interessado, você pode conferir as informações na página oficial do Mega Leilão.


Leilão de imóveis do Santander


Na oferta, há a possibilidade de financiamento em até 420 meses, sendo que as dívidas do IPTU são pagas até a data do leilão. O leiloeiro e o Santander garantem a restituição de até R$ 5 mil em impostos sobre despejos em todas as capitais do Brasil, ou em transmissão de imóveis (ITBI), escrituras e registros.


Na página de leilões do Santander, os clientes interessados podem navegar pelas subcategorias para ver as propriedades. São pontos comerciais, casas, apartamentos, terrenos, lotes e propriedades rurais.


Você também pode executar um filtro de pesquisa por estado.
Você terá chances nos estados de Alagoas, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo.


Ao clicar no imóvel desejado, você pode ver o preço inicial, o último lance e todos os detalhes da oferta. Por exemplo, em Anápolis (GO), uma casa é avaliada em R$ 256 mil e leiloada pelo valor de R$ 141,2 mil.


Parcelamento


No site, as partes interessadas verão o valor do lance e uma descrição completa do imóvel, além de fotos e informações mais relevantes. O leilão é realizado on-line no site oficial do leiloeiro. O lance mínimo começa a partir de R$ 33 mil.


De acordo com o Banco Santander, o pagamento acelerado permite dividir a licitação em até 420 meses com uma taxa de subsídio de 9,49 e uma taxa de referência para casas e apartamentos. Para imóveis comerciais, os pagamentos podem ser feitos dentro de 360 meses.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem