quarta-feira, julho 24, 2024

Notícia Alarmante: Aumento nos Preços do Gás de Cozinha e Gasolina Preocupa População Brasileira; Veja detalhes

Veja mais

Na última segunda-feira (8), a Petrobras confirmou o aumento dos preços da gasolina e dos botijões de gás de cozinha. Segundo a estatal, as razões para o reajuste estão ligadas à alta dos preços internacionais do petróleo e à desvalorização da moeda.

Os novos preços do gás de cozinha e da gasolina na Petrobras começaram a vigorar a partir de hoje (9). Isso significa que as refinarias das empresas estatais aumentarão o preço dos produtos que compram dos distribuidores, o que afetará o valor das bombas no curto prazo.

Quanto o gás de cozinha e a gasolina ficarão mais caros?

Esta é a primeira vez que a Petrobras reajusta os preços de venda da gasolina desde outubro de 2023. As empresas estatais operavam ultrapassadas, levando em conta a alta dos preços internacionais do petróleo e a desvalorização do real em relação ao dólar.

Enquanto isso, o aumento do preço do gás de cozinha foi o primeiro desde julho de 2023 e a primeira vez em quase um ano desde que a Petrobras aumentou o valor desse produto em suas refinarias.


Mas a partir desta terça-feira (9) desta semana, o produto sabe o valor da refinaria.

  1. Gasolina: alta de R$ 0,20 chega a R$ 3,01 por litro.
  2. Gás de cozinha: chega a R$ 3,10 por botijão de 13 litros.
  3. A expectativa é que a gasolina seja 0,15 real mais alta.

Os especialistas esperavam um maior realinhamento

A Petrobras ficou nove meses sem reajustar os preços da gasolina, e a estatal estava defasada, pois houve um movimento para alterar o valor do petróleo no mercado.

Por esse motivo, analistas do mercado financeiro acreditam que o aumento poderia ter sido muito maior. Por outro lado, a Petrobras afirma que a nova política de preços adotada no ano passado permitiu evitar o repasse da volatilidade nos mercados internacionais.