25.5 C
São Paulo
quarta-feira, maio 22, 2024

Atenção brasileiros! Caixa Tem vai começar a liberar um benefício de R$ 1.000 a partir do dia 18/09. Saiba como garantir o seu

Veja mais

Na segunda quinzena deste mês, várias pessoas serão beneficiadas. Acontece que a Caixa Tem começará a liberar um bônus turbinado de R$ 1.000 a partir do dia 18. Assim, com esse valor, os beneficiários podem contabilizar gastos com alimentação, aluguel e itens que precisam diariamente.

Na verdade, esse auxílio é a soma do auxílio adicional vinculado ao Bolsa Família e aos programas sociais. Atualmente, além dos R$ 600, algumas famílias beneficiárias têm direito a R$ 150 e R$ 50, o que acabará aumentando o valor mensal. Alguns recebem US$ 1.000, enquanto outros ganham mais.

R$ 1.000 no Caixa Tem: Como garantir uma vaga receber os benefícios?

Para garantir o recebimento de um benefício de R$ 1 mil (ou mais) sobre o salário, as famílias que ainda não fazem parte do Bolsa Família devem se atentar às regras do programa. Assim, o primeiro critério diz respeito à renda mensal: cada família deve ter uma renda per capita máxima (per capita) de R$ 218.

Além disso, o governo federal exige o registro no CadÚnico. Por isso, o cadastro deve ser feito em unidades do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), que devem apresentar documentos de todos os membros do grupo familiar (adultos e crianças).

Outros requisitos do benefício

Após a adesão ao programa, a família do beneficiário deve garantir a permanência do salário Caixa Tem. O CadÚnico deve ser atualizado conforme a necessidade ou sempre que houver mudança no grupo familiar, como mudança de endereço, nascimento ou óbito.

Além disso, outro ponto importante diz respeito à observância das condições do Bolsa Família. Portanto, cada família deve ter os seguintes padrões de saúde e educação:

  • Manutenção da caderneta de vacinação das crianças;
  • Acompanhamento das crianças menores de 7 anos com nutricionistas;
  • Acompanhamento pré-natal;
  • Frequência escolar de 60% para crianças de 4 a 5 anos;
  • Frequência escolar de 75% para filhos entre 7 e 18 anos incompletos.

Veja Mais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas Notícias