12.4 C
São Paulo
quinta-feira, maio 30, 2024

Aposentados do INSS recebem comunicado sobre novas regras para receber aposentadoria por invalidez a partir de 2024; Confira o que vai mudar

Veja mais

A aposentadoria por invalidez do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) é um dos benefícios mais solicitados pelos brasileiros. Afinal, é para pessoas que não conseguem mais trabalhar por motivos de saúde. Vale ressaltar que, para ter acesso, o segurado deve atender a uma série de critérios, como um período de carência. Além disso, é necessário passar por um exame médico.

Muitas pessoas confundem aposentadoria por invalidez do INSS com auxílio-doença. São vantagens semelhantes, mas diferentes. Segundo o órgão federal, os segurados devem ficar atentos a algumas mudanças. Em geral, os brasileiros podem solicitar benefícios com mais facilidade, desde que atendam aos critérios. Continue lendo este artigo para saber como solicitar benefícios.

Descubra mudanças na aposentadoria por invalidez do INSS

Antes de mais nada, é importante ter clareza sobre como funciona a aposentadoria por invalidez do INSS. Como já mencionado, muitas pessoas confundem com auxílio-doença e auxílio-doença. No primeiro caso, o benefício é concedido quando a pessoa perde a capacidade de exercer a atividade. A segunda é quando o médico solicita uma licença de mais de 15 dias. Se o período de afastamento for curto, os trabalhadores da CLT (Lei Trabalhista Consolidada) recebem licença remunerada.

Vale ressaltar que os brasileiros devem cumprir um período de carência de 12 meses para usufruir desse benefício. No entanto, há duas exceções a essa regra. A primeira ocorre quando a pessoa já está recebendo auxílio-doença. A maioria dos beneficiários da aposentadoria por invalidez do INSS começou com outros benefícios.

O segundo caso é uma doença considerada mais grave. Confira a lista completa abaixo.



  • AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida);
  • Alienação mental;
  • Cardiopatia grave;
  • Cegueira (inclusive monocular);
  • Contaminação por radiação;
  • Doença de Paget em estados avançados (Osteíte Deformante);
  • Doença de Parkinson;
  • Esclerose múltipla;
  • Espondiloartrose anquilosante;
  • Fibrose cística (Mucoviscidose);
  • Hanseníase;
  • Nefropatia grave;
  • Hepatopatia grave;
  • Neoplasia maligna (câncer);
  • Paralisia irreversível e incapacitante;
  • Tuberculose ativa.

Quem pode receber?

Contribuintes CLT podem receber benefícios de aposentadoria por invalidez do INSS. Nesse caso, a contribuição é feita automaticamente para fins de folha de pagamento. Os MEI (Microempreendedores Individuais) também têm direito aos benefícios. As contribuições são feitas pelo DAS (Documento de Recolhimento do Simples Nacional), que serve como contribuição previdenciária e tributária. Por fim, os brasileiros que emitem um GPS (Guia da Previdência Social) também podem receber benefícios. O valor depende da contribuição de cada beneficiário.

Saiba como resgatar suas recompensas

A aposentadoria por invalidez pode ser acessada pelo aplicativo “Meu INSS”. Dê uma olhada na barra de pesquisa da loja online. Ou seja, da Apple Store (iPhone) e Google Play Store (Android). O aplicativo também está disponível no próprio site. Basta copiar e colar este link na URL:https://meu.inss.gov.br/#/login.

Veja Mais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas Notícias