12.4 C
São Paulo
quinta-feira, maio 30, 2024

Farmácia Popular passa a oferecer novos itens GRATUITOS para a população; Anticoncepcionais, fraldas, medicamentos e mais. Veja!

Veja mais

Quem está há muito tempo no mercado de trabalho sabe que ter formação profissional é um grande atrativo para contratantes e empregadores.
Imagem: Google

Com o novo lançamento nesta quarta-feira pelo presidente da República, o programa farmácia popular dará à população acesso gratuito a 40 medicamentos. Assim, será acessível a quem participa do programa Bolsa Família e também é voltado para a saúde da mulher.

Entre os medicamentos gratuitos estão fraldas e anticoncepcionais para idosos, medicamentos para o tratamento de colesterol, rinite, asma e doença de Parkinson. Portanto, veja mais sobre cada medicamento e como funciona esse importante programa no artigo a seguir.

Novo Item

Dito isso, existem alguns medicamentos que fazem parte do programa para quem está cadastrado no Bolsa Família.

Em primeiro lugar, temos contraceptivos, e existem quatro:

  • acetato de medroxiprogesterona;
  • etinilestradiol + levonorgestrel;
  • noretisterona; e
  • valerato de estradiol + enantato de noretisterona.

Para o colesterol alto, há sinvastatina.

Além disso, ainda existem os da doença de Parkinson, carbidopa + levodopa e cloridrato de benserazida + levodopa.

Em caso de glaucoma, ainda há maleato de timolol.

Ademais, há ainda alendronato de sódio (osteoporose), beclometasona budesonida e ácido dipropiônico (rinite) e dapagliflozina (diabetes).

Por fim, para a incontinência, fraldas para idosos também fazem parte da lista.

Vale ressaltar também que, independentemente de ser considerado no Bolsa Família ou não, a mulher tem direito a receber medicamentos para tratar osteoporose e anticoncepcionais.

Gratuidade

Por isso, vale lembrar que alguns itens já eram gratuitos para todos os brasileiros.

Por isso, alguns tratam asma, diabetes e hipertensão.

A asma inclui brometo de ipratrópio, dipropionato de beclometasona e sulfato de salbutamol.

Para tratar o diabetes, há cloridrato de metformina, glibenclamida, insulina humana comum e insulina humana.

Por fim, ainda existem medicamentos que tratam a pressão alta de forma totalmente gratuita. Portanto, são 10.

atenolol;
Besilato de anlodipino.
captopril;
cloridrato de propranolol;
Hidroclorotiazida;
losartana potássica;
maleato de enalapril;
Espironolactona;
furosemida;
Succinato de metoprolol.

Retirada

Assim, para retirar o medicamento, é preciso ir até a farmácia com um documento oficial com foto e número de CPF. Além disso, é preciso ter uma prescrição dentro do prazo de validade emitida pelo SUS ou por um hospital particular.

Um cidadão pode retirar a droga através de um advogado ou representante legal.

Já as fraldas geriátricas são liberadas para pacientes com mais de 60 anos ou incapacitados e devem apresentar laudo ou prescrição solicitando o item em questão.

Detalhes: programas do governo podem renegociar dívidas de até R$ 5 mil, chegando a 70 milhões. Veja como se envolver

Sobre o Programa

Criada em 2004, a Farmácia Popular tem como objetivo garantir o acesso gratuito ou com desconto a medicamentos essenciais.

Por isso, a nova versão do programa também visa facilitar o acesso aos medicamentos para os povos indígenas. Portanto, essas comunidades podem ter medicamentos gratuitos e seus representantes podem retirar sem a necessidade de dar CPF.

Por fim, a ministra da Saúde, Nísia Trindade, enfatizou que o governo federal pode ampliar o programa para incluir medicamentos para a saúde do homem, como medicamentos para cuidar da próstata.

Veja Mais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas Notícias