20.6 C
São Paulo
sexta-feira, abril 12, 2024

Atenção motoristas! Presidente Lula anuncia mais uma novidades para aquelas que querem adquirir carros populares; Confira

Veja mais

Uma nova medida provisória para a compra de carros populares foi assinada pelo presidente Lula. Por isso, destinou um aumento de R$ 300 milhões para estimular ainda mais a aquisição de veículos com descontos atrativos.
Imagem: Google

Uma nova medida provisória para a compra de carros populares foi assinada pelo presidente Lula. Por isso, destinou um aumento de R$ 300 milhões para estimular ainda mais a aquisição de veículos com descontos atrativos.

Quem pretende adquirir um veículo deve se adequar às novas regras da medida e aproveitar suas vantagens. Conheça novas formas de se envolver no programa.

Novas medidas para a compra de carros populares aprovadas

O Governo Federal ampliou os incentivos para programas de desconto de veículos no Brasil. Dessa forma, a possibilidade de adquirir um veículo por meio do programa se torna ainda mais fácil.

Novas medidas para a compra de carros populares visam impulsionar programas de aquisição de carros de baixo preço. Já o orçamento total do programa passou de R$ 1,5 bilhão para R$ 1,8 bilhão.

Além disso, outras disposições complementares são publicadas no Diário Oficial da União, que preveem a inclusão de carros novos devido a aumentos orçamentários.

Após a aprovação das medidas provisórias, o orçamento previsto para a compra de carros com descontos passou de R$ 500 milhões para R$ 800 milhões.

A expansão também inclui um programa voltado para a compra de caminhões e ônibus, já que o total disponível aumentou em 300 milhões de reais.

Isso ajudará a atender à crescente demanda e aumentar as oportunidades para os consumidores comprarem veículos da melhor maneira.

Como vai ficar os impostos Federais e o financiamento do programa?

Para custear a extensão dos programas populares automotivos, medidas provisórias estabeleceram um aumento de R$ 0,03 nos impostos federais sobre o diesel, em especial as contribuições para o financiamento do Programa de Integração Social (PIS) e da Seguridade Social (Cofins).

O aumento vai valer a partir de outubro e pretendemos arrecadar mais R$ 200 milhões. Vale ressaltar que os 100 milhões de reais restantes já estavam previstos nas primeiras medidas provisórias do programa com aumento de 0,11 reais, em conexão com a retomada de dois impostos.

Além disso, Gerald Alkmin, vice-presidente e ministro de Estado do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, também assinou e anunciou a portaria.

A portaria também permite que empresas comprem carros com descontos, ampliando o público a ser beneficiado pelo programa. Antes, o programa era restrito a pessoas físicas apenas para evitar que as locadoras de veículos utilizassem mais rapidamente os recursos disponíveis.

No entanto, desde o dia 21 de junho, a participação de ônibus e caminhões já está permitida. O programa foi prorrogado devido ao esgotamento de R$ 500 milhões destinados à compra original de carros. A procura das pessoas físicas superou as expectativas, confirmou o ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

O teto de crédito do programa é de 800 milhões de reais, enquanto a faixa está alocada em 700 milhões de reais (100 milhões de reais já foram utilizados).

Um total de R$ 300 milhões foi direcionado para a compra de vans e ônibus, dos quais R$ 140 milhões já foram utilizados. Dessa forma, o programa continuará em execução até que o crédito tributário seja eliminado.

As atualizações da frota de veículos são normalmente financiadas por meio de créditos fiscais. No total, foram destinadas deduções fiscais de R$ 1,8 bilhão.

A boa notícia é que há mais oportunidades para os consumidores, já que o aumento do orçamento visa atender à crescente demanda dos consumidores que querem comprar veículos com desconto.

Além disso, a inclusão de empresas como beneficiárias e a ampliação do período de participação contribuem positivamente para o acesso dos carros populares mais acessíveis e abrangentes.

Em suma, essa medida será importante em vários aspectos para impulsionar uma economia altamente volátil, especialmente no que diz respeito às perspectivas futuras.

Esse programa é uma grande oportunidade para consumidores e revendedores, além de aquecer o fluxo de oferta e demanda no setor automotivo.

Veja Mais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas Notícias