12.4 C
São Paulo
quinta-feira, maio 30, 2024

Bolsa do Povo 2024 estão com inscrições abertas: Salário de R$ 2.400; Veja como se inscrever

Veja mais

Famílias que moram no estado de São Paulo e em situação de vulnerabilidade social podem ser beneficiadas pelo Bolsa do Povo 2024. São dezenas de atividades sociais que fazem parte do programa e atendem às diferentes necessidades desses grupos.

A Bolsa do Povo foi criada pela Lei nº 17.372 em 2021, durante a gestão de João Doria. A intenção na época era atender famílias vulneráveis devido à pandemia da Covid-19. Para isso, além das atividades de apoio aos estudantes, foi criado o auxílio emergencial.

Desde então, outros benefícios foram agregados ao programa que são sempre voltados para atender os mais pobres. Hoje, o governador do estado é um governador diferente, agora Tarcio de Freitas (Republicanos), mas alguns desses auxílios continuam sendo feitos e são feitos com inscrições abertas.

Apesar de pertencer ao governo do estado de São Paulo, o Bolsa do Povo também tem parceria com o governo federal. E, por esse motivo, utiliza para a seleção dos dados pretendidos, que são informados por meio de um único cadastro que indica que o primeiro acesso ao lucro começa com esse cadastro.

Programas Disponíveis no Bolsa Povo 2024

Há pelo menos 10 programas ativos para o Bolsa Povo 2024. Cada um é voltado para um público diferente e tem um propósito diferente, mas todos foram criados para atender famílias em situação de vulnerabilidade social.

Ação Juvenil

  1. Ele libera 100 reais por mês para jovens entre 15 e 24 anos.
  2. Benefícios para pessoas cuja renda mensal per capita é de até meio salário mínimo do país, principalmente até 1/4 do salário mínimo.
  3. Seu objetivo é promover a inclusão social desses jovens.

Auxílio-moradia

  1. Ele foi liberado temporariamente para cobrir o custo da moradia.
  2. Só é concedido às famílias que tenham sido deslocadas involuntariamente das suas casas se o município de residência declarar estado de emergência devido a chuvas ou inundações.
  3. Se foi realizada uma intervenção na cidade e/ou no meio ambiente ou com a participação do Governo do Estado de São Paulo ou CDHU.
  4. A renda da família deve ser de até 5 vezes por mês.

Bolsa de Talentos Esportivos

Oferece assistência financeira a atletas de diferentes idades, competições, treinamentos e resultados.
São quatro bolsas diferentes: Estudante, Júnior, Nacional e Internacional.
O pedido é feito de forma online, no site do Bolsa do Povo, e após análise da secretaria de esportes, o benefício é concedido.


Renda Cidadã

  1. Transfira os rendimentos diretamente para a conta do beneficiário.
  2. O programa atende famílias que estão passando por um processo de vulnerabilidade em decorrência do desemprego ou subemprego.

Via-rápida

  1. Oferece capacitação profissional gratuita para cidadãos que desejam ingressar no mercado de trabalho ou abrir um negócio.
  2. Podem participar pessoas maiores de 16 anos residentes em São Paulo, alfabetizadas, desempregadas e com nível mínimo de escolaridade.
  3. Uma bolsa de estudos foi fornecida para apoiar os alunos atuais para as despesas de vida enquanto eles estavam na escola.

Renda Cidadã

  • Destina-se a pessoas que estão desempregadas há mais de um ano em situação de vulnerabilidade social.
  • As pessoas se deslocam para prestar serviços em instituições públicas, como escolas, repartições e prefeituras.
  • Os pagamentos serão feitos mensalmente para uma bolsa de R$ 540,00 por até 5 meses.

Família Prospera

  • A duração do programa é de 12 meses e oferece tutoria, oportunidades de capacitação profissional e transferência de renda para a construção de projetos de vida.
  • Chefes de famílias monoparentais em situação de vulnerabilidade social são beneficiados com renda familiar de até R$ 210 por pessoa, desde que tenham dependentes até seis anos de idade.

Bolsa Empreendedor

  1. Oferece curso de qualificação empreendedora, formalização (MEI), e bolsa de R$ 1 mil, dividida em duas parcelas de R$ 500.
  2. São elegíveis todos os trabalhadores desempregados ou sem documentos, mas a preferência é dada a pessoas de baixa renda, mulheres, jovens (de 18 a 35 anos), pretos, pardos, indígenas ou pessoas com deficiência.
  3. É preciso ser alfabetizado, ter no mínimo 18 anos, estar desempregado ou MEI.

Novotec Expresso

  1. O programa oferecia cursos de certificação profissional para jovens entre 14 e 24 anos.
  2. Destina-se a estudantes matriculados em escolas de ensino médio da rede do estado de São Paulo.
  3. Bolsas de até R$ 600 para pessoas elegíveis são pagas em parcelas de até 4 meses de R$ 150, dependendo da duração mensal do curso.

VidAtiva

Pagamento mensal para pessoas com mais de 60 anos praticarem atividade física.

Como se candidatar à Bolsa Popular?

Para concorrer a uma vaga em qualquer um dos programas do Bolsa do Povo, é preciso:

Cadastre-se em cadastro único diretamente no Centro de Referência e Assistência Social (CRAS).
Acesse o site do Bolsa do Povo para ver quais vagas estão disponíveis.

Veja Mais

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Últimas Notícias