Hérnia de disco da direito a aposentadoria ou auxílio-doença? Confira




Nem todos os discos de hérnia são comentados tanto quanto Wesley Safadão, que virou notícia nacional pela sua fama.


Safadão teve uma das complicações mais graves dessa doença, mas nós, brasileiros comuns, também corremos o risco de sérios problemas nas costas. E ao contrário dos cantores, há uma boa chance de você se beneficiar do INSS.


O tratamento de hérnia de disco requer uma variedade de tratamentos e cuidados, incluindo perda de peso, fortalecimento dos músculos da coluna vertebral, alimentação regular, medicação, fisioterapia e até cirurgia. Tudo isso inclui despesas, compensação por planos médicos ou SUS, e, por vezes, exclusão temporária ou permanente de pessoas.


Quais benefícios o segurado do INSS pode esperar se estiver nessas condições? Por que eu trago essa preocupação neste artigo?


Explico: Um terço das razões para a incapacidade no trabalho estão relacionadas a problemas na coluna. E essas doenças são as maiores causas de ausência do INSS.


Os discos intervertebers da coluna atuam como amortecedores entre as vértebras. Quando esses discos se desgastam, o fluido nos discos intervertebrals vaza, comprimindo os nervos, causando dor severa, que pode levar a abaulamento e ruptura.


Nem todas as hérnias causam dor. Outros sintomas podem aparecer, como fraqueza nas pernas e braços, formigamento e dormência no colo do útero e região lombar.


Envelhecimento, hábitos de vida sedentários e genética são algumas das causas desse tipo de doença.


No entanto, exercícios repetitivos que requerem músculos das costas, halterofilismo, acidentes e sit-ins prolongados podem estar relacionados ao trabalho ou hérnia de disco.


Nesses casos, uma hérnia de disco pode levar uma pessoa a reivindicar benefícios do INSS.


Nos episódios mais graves, é possível até mesmo exigir uma pensão por invalidez, pois os sintomas e a falta de resposta ao tratamento permanecem. Certifique-se de que não é exatamente uma doença, mas sim uma possível consequência que pode causar, incluindo depressão severa.


No entanto, existem outros benefícios que um segurado pode reivindicar. Confira a lista:


  • Após a reforma da previdência, o auxílio-doença, que foi chamado de benefício por incapacidade temporária;
  • Auxílio acidente, se houver diminuição da capacidade de trabalho;
  • Aposentadoria de Pessoas com Deficiência;
  • ou BPC, um benefício contínuo, que é precisamente um benefício previdenciário, não um auxílio do Governo.

Como buscar benefícios por incapacidade causados por hérnia de disco?


Se você não está em posição de trabalhar primeiro, é aconselhável cuidar da sua saúde e manter o tratamento.
Imagens, exames laboratoriais, prescrições de medicamentos, ressonâncias magnéticas, tomografias, raios-X, relatórios, blocos de dor, relatórios e prontuários médicos ajudam a demonstrar o tratamento e a evolução da doença.


Tudo isso é importante para que o INSS avalie e qualifique você se você estiver precisando de benefícios. Você tem a obrigação de mostrar ao INSS se a doença regrediu, se o tratamento está funcionando, e que você está se tratando.


Se você for afastado por mais de 15 dias, você precisará agendar a perícia do INSS e comparecer ao arquivamento dos documentos.


  • Insira o site ou aplicativo do INSS.
  • Exibido em um horário especificado
  • Por favor, traga identificação com foto
  • Último dia útil se registrado na empresa
  • É necessária a emissão da CAT.

Em caso de acidente de trabalho, é dever da empresa emitir imediatamente um aviso de acidente de trabalho. Se seu empregador se recusar, seu sindicato, médico do trabalho ou advogado podem recusar. Na verdade, você também pode emitir CAT sob tais circunstâncias.


Os discos de hérnia não são causados apenas pelo envelhecimento da coluna vertebral. Existem atividades de trabalho que podem exacerbar ou antecipar esses problemas.


Se seu trabalho contribuiu para sua doença, é possível se candidatar,


Obter benefícios previdenciários.


Além dos direitos previdenciários para doenças ocupacionais, há também direitos trabalhistas como:


  • FGTS durante período de licença temporária
  • Reembolso de custos associados ao diagnóstico, tratamento da doença
  • Em troca de suas atividades internas, trabalhe sob medida para suas necessidades
  • Dano Moral
  • Danos existenciais se o trabalho impedir que você realize uma atividade que fazia parte da sua rotina
  • Manutenção de plano de saúde para o tratamento indicado
  • Pensão vitalícia no caso de você não pode mais trabalhar
  • Estabilidade no emprego por 12 meses após retorno de licença temporária no INSS
  • Manutenção de benefícios como vale-alimentação

Procure sempre acompanhamento de um advogado trabalhista e previdenciário.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem