AUXÍLIO BRASIL: Quem é aposentado ou pensionista do INSS pode entrar no programa? Confira!

Imagem: Reprodução/Google


O auxílio Brasil está disponível para aposentados e pensionistas? Essa dúvida é muito comum entre os cidadãos que recebem benefícios da Previdência Social, mas não conseguem manter os valores familiares.


Ao contrário do que muitos acreditam, o programa de distribuição de renda do governo federal também pode ser concedido a aposentados e pensionistas. Em geral, não há obstáculos para receber ajuda brasileira, mas é preciso tomar cuidado para garantir que a pensão não seja suspensa.


Por lei, os lucros do INSS não podem acumular-se juntamente com outros benefícios, pois podem levar à suspensão dos pagamentos. No entanto, existem exceções, e você precisa conhecer as regras para que não haja problemas com a circulação de cidadãos.


Aposentados e pensionistas do INSS podem receber o auxílio Brasil?


Aposentados, pensionistas e outros beneficiários podem receber pagamentos da ajuda brasileira se estiverem sob as regras do programa Federal.


Mas você tem que estar atento! Os beneficiários do INSS devem ter os pagamentos da instituição como única fonte de renda mensal. Só assim os membros da família podem seguir o mesmo procedimento que os outros membros da família para inserir seu salário para o programa.


Famílias brasileiras vulneráveis que se enquadram na faixa de extrema pobreza e pobreza podem receber ajuda brasileira, comprovando que sua renda familiar mensal per capita está entre R$ 105 e R$ 210.


Como receber o auxílio Brasil


Há três maneiras de participar do programa:


  • Aqueles que receberam o Bolsa Família receberam uma transição automática para a ajuda brasileira.
  • Aqueles que se inscreveram para um único cadastro e não receberam o Bolsa Família.
  • Quem ainda não se cadastrou no Kadunico deve se dirigir ao CRAS, que fica mais próximo de sua residência.
  • É importante ressaltar que famílias com crianças, gestantes, lactantes, adolescentes e jovens de até 21 anos (incompletos) recebem prioridade na lista de espera para aprovação.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem