FGTS extraordinário: Prazo para saque de até R$ 1 mil acaba amanhã (15); Veja detalhes

Imagem: Reprodução/Google




Os trabalhadores no Brasil devem retirar seu saldo especial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) até esta Quinta-Feira (15). O valor pode chegar a no máximo R$ 1 mil por trabalhador. Um cidadão que não movimenta o valor até o final desse período novamente mantém dinheiro em seu fundo de garantia.


Para saber se você está entre os cidadãos que podem receber esse saldo especial, confira as informações no aplicativo do FGTS e realize a verificação. Se houver dinheiro na conta, o indivíduo pode usar o mesmo aplicativo para solicitar a liberação do dinheiro e movimentar o valor.


Em seguida, a movimentação pode ser feita por meio do aplicativo Caixa Tem. Aqueles que ainda não têm uma conta neste sistema de conta poupança da sociedade digital receberão uma conta gratuitamente. Através deste aplicativo, você também pode gerar códigos para pagar contas, transferir saldos para outros bancos, fazer compras on-line em sistemas de débito e até mesmo descontar em caixas eletrônicos, casas lotéricas e caixas correspondentes.


Como dito, os depósitos podem chegar a no máximo R$ 1000 por trabalhador. Este nível depende do saldo disponível na conta de cada cidadão do fundo de garantia. Quem tiver menos de R$ 1000 poderá sacar o valor total. Quem tiver mais de R$1000 só poderá sacar esses R$1000. O governo afirma que este é o limite máximo para a liberação deste ano.


FGTS Extraordinário


Os pagamentos extraordinários do FGTS começaram em abril do ano passado em homenagem ao mês de aniversário de cada cidadão. Naquela época, os cidadãos tinham 90 dias, ou seja, um prazo de três meses para movimentar o valor dos benefícios. Se você não se mover, seu equilíbrio será perturbado.


Agora, após este prazo de 90 dias, os cidadãos ainda podem movimentar o seu dinheiro. No entanto, nesse caso, você terá que fazer uma nova solicitação por meio do aplicativo do FGTS para que possa receber o valor em sua conta poupança social digital.


Se o saldo retornar ao fundo de garantia por falta de movimento, há uma ligeira correção monetária. Em qualquer caso, os cidadãos podem voltar a utilizar o seu dinheiro em situações muito específicas, por exemplo, o despedimento sem justa causa.


Dados sobre o saque 


De acordo com as últimas informações do governo federal, o comitê ad hoc do FGTS é creditado a mais de 45,9 milhões de trabalhadores em todas as regiões do país. O valor total liberado está próximo de 32 bilhões de reais.


Estima-se que mais de 12 milhões de brasileiros que podem receber ainda não tenham movimentado seu inusitado dinheiro do FGTS. Estamos falando de mais de R$ 8 bilhões à espera de pedidos no final do ano.


Vale sempre lembrar que neste momento não é necessário utilizar o dinheiro do FGTS. No final, a decisão é sempre do trabalhador, e quem tem que pesar se esse é o melhor momento para gastar o valor. Se um indivíduo decidir que a melhor maneira é esperar um pouco mais, não mova o dinheiro. Portanto, o valor será devolvido ao fundo de garantia após 15 de Dezembro.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem